41% do acervo de processos em tramitação já foi digitalizado

 

Com o propósito de tornar o TJDFT 100% digital, a Administração do órgão vem realizando esforço conjunto no sentido de digitalizar os processos que ainda tramitam em papel para que possam ser inseridos no Processo Judicial Eletrônico (PJe). Na última sexta-feira, 28/6, o Tribunal atingiu 41% dessa meta, superando a marca de 200 mil autos digitalizados.

 

Treinamento se inicia em 6 de junho e prossegue até 13 de dezembro de 2017. Divulgação/TJPA

O TJDFT conta hoje com 284 mil processos físicos, entre os quais 95 mil encontram-se em processo de digitalização e 182 mil aguardam para serem trazidos ao meio digital. Com a progressiva implantação do PJe no Tribunal, a maior parte dos processos já iniciam sua tramitação eletronicamente. Aqueles que ainda estão no suporte papel são anteriores às implantações nas serventias ou oriundos de varas onde o PJe ainda não foi implantado. Atualmente, o sistema PJe já está funcionando em 86% das serventias do Tribunal.

A conversão de suporte dos processos judiciais foi determinada pela Portaria Conjunta 24/2019. Explica a norma, em seu artigo 2º, que “a coordenação, orientação e padronização do trabalho de conversão do suporte dos processos em meio físico para o digital competirão à Presidência em relação aos processos em trâmite na segunda instância e à Corregedoria da Justiça, aos da primeira instância”.

 

*Com informações do CNJ.