Como evitar demora nos processos

Quem lida, diariamente, com processos judiciais, administrativos e todos os mecanismos do mundo jurídico sabe bem como é frustrante trabalhar duro e, mesmo assim, não poder oferecer para seus clientes um bom andamento processual em tempo razoável. A morosidade, infelizmente, afeta o judiciário como um todo e não somente casos específicos. No entanto, algumas posturas podem desacelerar o andamento de uma demanda, então esteja de olhos abertos para que essas práticas possam ser evitadas.

VISTAS E CARGAS DESNECESSÁRIAS

Boa parte dos processos já se encontra em meio digital, assim existem diversas maneiras mais rápidas e eficazes de encontrar a documentação necessária. Um bom investimento é um aparelho celular com uma boa câmera ou até mesmo em scanners manuais, assim, basta uma visita ao fórum, ao balcão do cartório da sua vara para armazenar tudo para que você inicie sua atuação. Ademais, se o processo se encontra em cidade diversa da sua, não esqueça da opção de contratar um correspondente na comarca da demanda para realizar esta diligência, alertando-o sempre para fazer, no máximo, uma carga rápida para cópia e/ou digitalização na sala da OAB.

SEJA OBJETIVO

Quanto mais laudas você escrever, mais trabalho estará dando para os servidores e juiz. Portanto, seja sucinto ao expressar todos os fatos, motivos e direitos que embasam sua tese. Lembre-se que, quanto mais objetivo você for, menos tempo o juiz levará para analisar seus pedidos e em consequência você terá decisões e sentenças em tempo mais curto.

NÃO ESPERE O FIM DO PRAZO CHEGAR

Se você tem um prazo de 15 dias, não espere 14 dias para tomar as previdências e se manifestar dentro do processo. Quanto antes você se manifestar, mais cedo será dado vistas a parte contrária e mais cedo você terá sua resposta. Seja objetivo, organizado e atento aos processos que são de sua responsabilidade. Você deve, no mínimo, checar os processos em que você é signatário. Assim, você consegue se antecipar a intimações e pode atuar assim que a movimentação acontecer.

DESPACHO COM O JUIZ

Despachar com o Juiz responsável pelo seu processo é algo que pode ser feito, pois, pode ajudar a diminuir a demora no andamento da ação. Explique ao Juiz os motivos que tornam a decisão em sua causa tão urgente. Em alguns casos os advogados já saem desta reunião com alguma movimentação processual. De qualquer forma, existem “n” maneiras de se evitar, ou ao menos não acentuar, a morosidade processual.

Trabalhar arduamente e de maneira dedicada, certamente são as maneiras que se sobressaem as demais. Não esqueça também de manter uma equipe que pense e aja de maneira rápida, com essas atitudes tudo dará certo, boa sorte!

 

Texto: Marília Vargas
Edição: João Vítor Perozzo